Accepted at 9:34 p.m. Dec, 26, 2023 by ankiclass
Author: vinicius.eo
Related Note: 1686437575860
Rationale for change

Ajuste banca

Front Front
Banca Banca
Back
28° semanas de gestação2
Implantação de qualquer parte da placenta no segmento inferior do útero, próximo orifício interno
Anotação
Empty field
Importante
Empty field
Observação
1. Ou inserção viciosa da placenta.
2. Antes de 28 semanas não conta, pois a placenta migra.
Apresentação
A placenta prévia é uma complicação obstétrica em que a placenta está localizada próxima ou cobrindo o orifício cervical interno, resultando em sangramento vaginal indolor no terceiro trimestre da gestação. Com os avanços tecnológicos em ultrassonografia, o diagnóstico precoce da placenta prévia durante a gravidez tornou-se possível. Anteriormente, eram reconhecidos três tipos de placenta prévia: completa, parcial e marginal. No entanto, atualmente, as definições foram consolidadas em placenta prévia completa e marginal.

Epidemiologia:
Ocorre em aproximadamente 0,5% de todas as gestações nos Estados Unidos. A incidência aumenta com o número de partos cesárea anteriores. Além disso, a idade materna avançada e a etnia não branca estão associadas a um maior risco de placenta prévia. Complicações maternas e fetais são bem documentadas, incluindo parto prematuro, hemorragia pós-parto, necessidade de transfusão sanguínea, abrupção placentária, malformações congênitas e aumento do risco de mortalidade neonatal.
Fisiopatologia
A implantação da placenta ocorre quando o embrião se adere ao útero inferior. Na placenta prévia, acredita-se que haja uma deficiente vascularização decidual sobre o colo do útero, possivelmente devido a alterações inflamatórias ou atróficas. À medida que o útero se expande durante o terceiro trimestre, o segmento uterino inferior se desenvolve, resultando em sangramento no local de implantação da placenta.

A causa exata da placenta prévia não é totalmente compreendida, mas acredita-se que seja multifatorial. Alguns fatores de risco estão associados ao desenvolvimento da placenta prévia, como idade materna avançada, tratamento de infertilidade, multiparidade, gestação múltipla, intervalo curto entre gestações, cirurgia uterina prévia, parto cesárea anterior, histórico de abortos prévios ou placenta prévia anterior, etnia não branca, baixo status socioeconômico, tabagismo e uso de cocaína.
Clínica
O sintoma característico da placenta prévia é o sangramento vaginal indolor. O sangramento ocorre devido à interrupção da fixação placentária quando o segmento uterino inferior se torna mais fino durante o desenvolvimento uterino. O sangramento pode ser intermitente e autolimitado, mas em alguns casos pode ser grave e levar a complicações tanto para a mãe quanto para o feto.
Diagnóstico
O diagnóstico é realizado principalmente por meio da ultrassonografia. A ultrassonografia transvaginal é considerada o padrão-ouro para o diagnóstico, permitindo avaliar a localização precisa da placenta em relação ao colo do útero. Outros exames complementares podem ser realizados, como testes de coagulação, tipagem sanguínea e avaliação do bem-estar fetal.


Placenta prévia completa observada na ultrassonografia.


Outra imagem de ultrassom mostrando claramente a placenta prévia completa.
Conduta
O manejo da placenta prévia depende de vários fatores, como a gravidade do sangramento, a idade gestacional, a estabilidade materna e fetal, bem como os recursos disponíveis no centro de atendimento médico. O objetivo principal é garantir a segurança da mãe e do feto. O repouso no leito, restrição de atividade física, transfusão sanguínea, corticosteróides pré-natais para promover a maturação pulmonar fetal e a tocolise podem ser considerados em casos selecionados. O parto é o único tratamento definitivo para a placenta prévia, sendo que a via de parto (cesárea versus parto vaginal) é determinada pela gravidade dos sintomas e condições maternas e fetais.
Galeria

Placenta prévia completa ou total. Todo o orifício cervical é coberto.


Placenta prévia baixa. A placenta separou-se parcialmente do segmento uterino inferior.


Placenta prévia invadindo o segmento uterino inferior e cobrindo o orifício cervical.
Referência
Empty field
©Ankiclass
Empty field
#v1_Cronogramas::ErreTóteles::10°_Semana::🤰🏼_Obstetrícia #Obstetrícia::Sangramento_na_Segunda_Metade_da_Gestação::Placenta_Prévia_PP #v1_Cronogramas::ErreCaminho::17°_Semana::🧡_Obstetrícia #v1_Cronogramas::ErreCafé::02°_Semana::💚_Obstetrícia AnkiHub_Subdeck::ErreAnki_-_Medicina_e_Residência::ErreAnki_-_Obstetrícia